Chiquinha Gonzaga


            Francisca Edwiges Neves Gonzaga, Chiquinha Gonzaga, nasceu no Rio de Janeiro em 1847. Pianista e compositora, aos 11 anos compôs sua primeira obra: Canção dos Pastores. Mais tarde, por meio de seu amigo e músico, Callado, ingressou nas rodas de chorões formadas por compositores de música para peças teatrais.
            Nesse período, era incomum uma mulher frequentar salões, participar de campanhas abolicionistas ou compor para o teatro. Dessa forma, ela quebrou barreiras sociais e estéticas, sendo posteriormente considerada a primeira dama da MPB.
            Seu primeiro sucesso foi em 1887 com a polca Atraente, mas foi com a composição Ó Abre Alas que ela se tornou popular em todo Brasil e marcou a história da música e do teatro de revista brasileiro.

            Chiquinha Gonzaga compunha e vivia bravamente; atuou na organização da classe artística, na regulamentação dos direitos autorais e nas causas coletivas, deixando nas pegadas da sua coragem um caminho de cidadania e de beleza.

Postagens mais visitadas deste blog

De um lado cantava o sol - Cecília Meireles

Vermeer e os impressionistas

Depois do sol...